Com investimento de R$ 1,7 milhão, projeto fotovoltaico vai possibilitar uma economia de até 40% na conta de luz

Exatamente 1.560 módulos fotovoltaicos e quatro inversores foram instalados no Hospital Unimed de Cachoeiro de Itapemirim para formar a usina que passa a abastecer a instituição, localizada na Rodovia Cachoeiro x Safra. Um total de 1,7 milhão foi investido e vai possibilitar uma economia de até 40% no desembolso financeiro com o consumo de eletricidade pelo hospital, além de ser uma fonte de energia limpa, que contribui para a preservação do meio ambiente.

De acordo com Gediel Teixeira Xavier, diretor de Recursos Próprios da Unimed Sul Capixaba, a energia solar captada é transformada em energia elétrica e transferida, no mesmo instante, para a rede do hospital, após passar por quatro inversores.

Por parte da cooperativa, a expectativa ultrapassou o que era esperado, um total de 65.000 quilowatts hora/mês de geração de energia. No entanto, após os primeiros testes e no primeiro dia de funcionamento do sistema, essa perspectiva aumentou para cerca de 72.000 quilowatts hora/mês de energia.

A partir de agora, a cooperativa contar√° com o consumo de energia composto pela Usina de Energia Fotovoltaica e pela compra no Mercado Livre de Energia, um ambiente competitivo de negocia√ß√£o de energia el√©trica onde os participantes podem negociar livremente todas as condi√ß√Ķes comerciais.¬†

A usina foi instalada em cinco meses, incluindo planejamento e estudos que consideraram diferentes variáveis, como a posição e a inclinação que possibilitaria o melhor aproveitamento da luz solar. Os equipamentos foram importados do Canadá e da Alemanha, têm tecnologia de ponta, com qualidade superior à grande maioria disponível no mercado. 

‚ÄúIsso contribui muito para o desempenho e para que cheg√°ssemos a uma performance ainda melhor √†quela que previmos inicialmente. Toda a produ√ß√£o tamb√©m pode ser acompanhada por n√≥s de modo on-line e em tempo real‚ÄĚ, enfatiza Xavier.

Além da economia na conta de energia, a equipe de direção do hospital vê com bons olhos a instalação da usina, pois se trata também de uma contribuição para a preservação ambiental e a sustentabilidade da cooperativa, na medida que utiliza uma energia totalmente limpa.

Segundo Leandro Baptista, diretor-presidente da Unimed Sul Capixaba, o hospital passa a ser tamb√©m um empreendimento sustent√°vel ambientalmente, al√©m de gerar a pr√≥pria energia. ‚ÄúA redu√ß√£o das despesas √© apenas uma consequ√™ncia disso‚ÄĚ, afirma.

A pr√≥pria Unimed Sul Capixaba conta com outras a√ß√Ķes para evitar o desperd√≠cio, com uso consciente de energia. A cooperativa tem sensores de presen√ßa com temporizadores nos banheiros, nas escadas e nos corredores da operadora, e os aparelhos de ar-condicionado foram trocados para o modelo inverter, al√©m de serem realizadas rondas pelos vigilantes para identificar equipamentos eletr√īnicos ou l√Ęmpadas ligadas sem necessidade ap√≥s o fim do expediente.

FONTE: PORTAL SOLAR